Como deixar o lado negativo da crise para os outros

Como deixar o lado negativo da crise para os outros

Como deixar o lado negativo da crise para os outros 1920 1080 Ouro Moderno

Quando todos a nossa volta começam a falar somente sobre a crise, é tempo de se posicionar a respeito. Entenda como fazer isso de modo que a crise fique para os outros e não com você.

No ano passado, decidi fazer um pacto comigo mesmo. Em todas as rodas de empresários em que estive a palavra crise parecia um mantra. Todos falavam no mesmo assunto o tempo inteiro. Então, decidi mudar de país. Por que não? Todos nós podemos!

Olhando a localização geográfica, continuo por aqui. Moro no mesmo lugar, a Ouro Moderno fica no mesmo endereço e quase todos os dias vou lá. Todavia, no meu país não há crise, as pessoas trabalham felizes, meus clientes estão prosperando e nunca faturamos tanto.

Resolvi deixar o lado negativo para os outros.  Neste meu novo “país”, vou para a empresa todos os dias escutando músicas e não mais a estação de rádio de notícias, assim como não sei se o presidente está sofrendo um “impeachment” ou se ele está levando malas de dinheiro.

Como conseguir isso? Compartilho algumas dicas com você. Confira!

  • Transforme problemas em soluções

Resolvi entender que posso fazer a diferença nesse meu novo universo, transformando problemas em soluções.  Mudamos as vidas das pessoas de fato. Isto é o que importa. Não digo aqui que tenhamos de ser alienados com os acontecimentos e noticiários envolvendo nossa pátria.

Me refiro ao fato de que não podemos absorver as eventuais crises, que todo país pode passar. Nós, empreendedores, somos geradores de empregos, os movimentadores da economia. Temos que continuar trabalhando, investindo, criando novos líderes. Assim, mudaremos, de fato, nossa nação.

  • Treine sua equipe

Quando citei no artigo Transforme seu negócio em uma empresa que dita tendência que devemos mudar e disponibilizar um tempo para a contratação dos colaboradores, refiro-me também aos treinamentos internos que devemos fornecer à equipe.

A cada dia treinado, são dez sem a necessidade de corrigir erros. Isto parece radical, mas funciona. Dedique-se nos primeiros dias de seus colaboradores, faça-os sentir que entraram na melhor empresa do mundo. Não importa se você não é o Google, até porque eles também têm erros. Preocupe-se em ser a melhor empresa da vida de seus colaboradores.

Não se “apequene” com pensamentos, tais como: “vou treiná-lo e daqui a pouco ele é contratado por outra empresa”. Você deve criar um ambiente em que ele não queira deixá-lo, mesmo que receba propostas salariais melhores.

  • Invista em um ambiente ideal para o trabalho de sua equipe

Antes de aplicarmos e percebermos a importância do conceito de “iluminar a alma da Ouro”, perdemos alguns colaboradores por maiores salários.

A Ouro Moderno está situada em uma cidade pequena (Montenegro, RS), mas com grandes empresas no setor de desenvolvimento de software. Não somos concorrentes para captar clientes, mas sim para contratar pessoas. Durante muitos anos, nossos melhores colaboradores nos deixavam, sempre seduzidos por salários e ambientes melhores da concorrência.

Cheguei a pensar muitas vezes: “estão indo para lá, apenas porque eles dão frutas e salas de descanso, são pequenos agrados que não precisamos fazer”. Esse tipo de ideia travava nosso crescimento. Era mais fácil apontar erros nos funcionários e nas empresas do que enxergar os nossos. Cuidado que isto pode ser fatal. Pense sobre você, esqueça os outros.

Não cabendo mais desculpas, resolvemos mudar. Criamos ambientes de descanso, alteramos o foco para a entrega de tarefas e não para o tempo que estão dentro da empresa e começamos a pensar em dar as melhores condições para que eles se desenvolvessem e, ao final dessas alterações, descobrimos que montar salas frutas e pequenos agrados é muito barato, perto do resultado que será obtido.

Quando estamos entrevistando um candidato a se tornar um novo “ouro”, sempre afirmamos que duas coisas são necessárias para trabalhar conosco: bom humor e comprometimento. Isto mesmo, um ambiente só é pró-ativo se tem pessoas de bem com a vida.

Sabe aquelas que só reclamam? Aqui não tem vez, o próprio time se encarrega de mostrar que algo não está funcionando bem. Portanto, ou o novo colaborador muda ou dança.

  • Tenha um plano de crescimento salarial

Outro ponto fundamental foi a definição de um plano de crescimento salarial. Esse tipo de informação serve como base para que seu colaborador fique tranquilo, mas digo também que este valor será o mínimo que ele vai receber se for um funcionário nota 6.

Caso ele se torne fundamental, trabalhamos um plano exclusivo. No entanto, é essencial que ele tenha um feedback seu ou de seus gerentes.

Gosto de uma frase que sempre digo aos nossos colaboradores sobre salários: “Caso aqui na cidade haja muitas pessoas que fazem o que você faz, seu salário será baixo. Mas, caso pouquíssimas pessoas façam o mesmo que você, a sua remuneração será mais alta”. Aqui está outro conceito de um grande líder: ser diferente.

Ainda tem dúvidas sobre como a uma boa liderança pode ajudá-lo a deixar o lado negativo da crise para os outros? Então, leia 5 dicas para liderar com sucesso e aproveite as orientações que temos para você.

Conecte-se à

Ouro Moderno

Matriz – Montenegro/RS

Horário de funcionamento : 08:00 – 18:00
Endereço : Rua João Pessoa, 1918 – Salas 17,18 e 19 Centro
Fone : (51) 3057 2333
Financeiro : financeiro@ouromoderno.com.br
Suporte : suporte@ouromoderno.com.br
Comercial : comercial@ouromoderno.com.br